ALYSSA BUSTAMANTE - Curiosidade pelo mal OS VÍDEOS MAIS BIZARROS DA INTERNET 5 CRIANÇAS DO SHOW DE HORRORES A MALDIÇÃO DA RESIDÊNCIA HILL

Nova banda de Trent Reznor do NIN

Aproveitando o sucesso da trilha sonora de Millennium - Os Homens que Não Amavam as Mulheres, Trent Reznor anunciou o lançamento do primeiro disco de How to Destroy Angels para o início de 2012.

O projeto de Reznor ao lado da esposa, Mariqueen Maandig, e de Atticus Ross, com quem colaborou também na trilha de A Rede Social, está atualmente em estágio de mixagem.

Este é o primeiro disco completo do grupo, depois de lançar uma EP de seis faixas no ano passado. Mas, segundo Reznor, a sonoridade do disco será um pouco diferente.

"Nós estamos terminando nosso primeiro álbum, que amadureceu muito o nosso som para algo que é muito único. Mal posso esperar para esse disco sair (...). Quando lançamos a primeira EP, foi resultado de seis semanas em estúdio, apenas vendo o que acontecia. Não tivemos muito tempo para explorar isso e entender como é o nosso som. Parecia estar muito próximo de outros projetos em que eu estive envolvido, ou de influências diretas. Agora, o som é do How to Destroy Angels, ao invés de se parecer com outras coisas. Então estou orgulhoso disso e empolgado para lançá-lo para o mundo", declarou Reznor, em entrevista à Rolling Stone estadunidense.

O novo filme de David Fincher exerceu sua influência sobre o disco, mas de forma contrária. Segundo Reznor, ele e Atticus Ross sentiam a necessidade de distanciar-se da temática sombria e negativa de Millennium.

"Fazíamos três semanas de Millennium e precisávamos de uma pausa daquele peso, então trocávamos para How to Destroy Angels. [O som da banda] se tornou muito mais ritmico - e não ficou feliz -, mas realmente começou a ganhar sua própria identidade. Fomos influenciados pelos primeiros discos do Cabaret Voltaire - é muito desconstruído ritmicamente e usa mais texturas. Mariqueen encontrou seu lugar. Nós a usamos de um jeito muito interessante, eu acho", explicou.

Por enquanto, a banda não tem planos de sair em turnê, já que Reznor e Maandiq estão prester a ter seu segundo filho. "Estamos discutindo a ideia de fazer alguns shows. Não vou dizer que estou morrendo de vontade de entrar em uma turnê de um ano agora, mas estou sentindo a coceira de me apresentar ao vivo, de alguma maneira", declarou.

Para os fãs que continuam esperando novidades do Nine Inch Nails, o plano de Reznor, segundo entrevistas anteriores, é dedicar-se à banda a partie de março. "Na verdade, parei o Nine Inch Nails porque, como qualquer ser vivo, comecei a sentir que estava me repetindo. Comecei a sentir que precisava de uma reinvenção e precisava me forçar a fazer isso. O How to Destroy Angels tem sido um escape criativo muito interessante. Acho que quando as pessoas ouvirem o que estivemos fazendo, vai validar isso. [Mas] dá medo e a possibilidade de fracasso existe, então isso é empolgante pra mim", finalizou.

Ainda sem título divulgado, o primeiro disco do How to Destroy Angels está previsto para o primeiro trimestre de 2012. O lançamento será feito pelo selo de Reznor, Null Corporation.

Nenhum comentário:

Postar um comentário